© 2022 bacanaplay.pt
Todos os direitos reservados.

© 2022 bacanaplay.pt
Todos os direitos reservados.

Arte de Contar Cartas no Blackjack

Contar cartas no blackjack é uma arte que preenche o imaginário de jogadores de casino de todo o mundo, mas não só. Até mesmo pessoas que nunca entraram num casino já ouviram falar dela e ficaram fascinadas com a mesma. Nem que tenha sido através do cinema.

O fascínio que a contagem de cartas no blackjack exerce sobre os jogadores está, provavelmente, relacionado com a dificuldade que aparenta, mas ao mesmo tempo com a noção de que… resulta! É claro que na TV é tudo muito ficcionado, mas vai por nós! Aquelas histórias são verídicas e quem conseguir contar cartas pode fazer muito dinheiro!

Mas como sabes, não há bela sem senão! E a contar cartas no blackjack pode não ser muito difícil de aprender, mas requer muita dedicação para que ter tornes um especialista.

Ainda assim, se quiseres, pelo menos, perceber como funciona, ou adquirir as bases para te tornares, quem sabe, num profissional da contagem de cartas no blackjack, podes começar por este artigo!

O QUE ESTÁS PRESTES A APRENDER

Mesa de Blackjack

Contagem de cartas no Blackjack:

  • O que é a contagem de cartas
  • Qual a vantagem de contar cartas
  • Como funciona
Mais ou Menos em Blackjack

Efeito da saída das cartas na contagem:

  • Contagem positiva ou negativa
  • Seguro: Quando fazer em função da contagem
  • Contagem positiva – Joga com agressividade
Positivos e Negativos no blackjack

Como contar cartas no blackjack:

  • Positivos, negativos e neutros
  • Contagem corrente e contagem verdadeira
  • Efeitos práticos da contagem de cartas

O que é a contagem de cartas

Assim que aprenderes as regras do blackjack e dominares de trás para a frente e da frente para trás a estratégia básica do blackjack, é possível que sintas necessidade de algo mais. E esse algo mais pode muito bem ser (porque não?) aprender a contar cartas.

Apesar de esta ser uma arte que, hoje em dia, está mais perto do imaginário coletivo do que da realidade – dificilmente ainda alguém consegue governar a vida só a fazer contagem de cartas – a verdade é que não deixa de ter a capacidade de eliminar a vantagem da casa.

Mas vamos começar pela pergunta do milhão: o que é a contagem de cartas?

Resposta: É uma técnica que te permite ter uma ideia de que tipo de cartas restam em maioria no baralho e usar essa informação em teu próprio proveito.

E como é que isso te permite tirar vantagem?

Acontece porque um baralho com muitas cartas altas é melhor para os jogadores, pois é mais provável conseguirem fazer blackjack. Ao passo que um baralho recheado de cartas baixas é mau para os jogadores.

Ora, se souberes fazer a contagem de cartas corretamente e souberes se o baralho está bom ou mau para ti, podes aumentar ou diminuir o valor das tuas apostas. Desta forma, vais ganhar mais quando estás numa situação favorável e perder menos quando o baralho está ‘frio’.

Quanta vantagem se ganha à casa ao contar cartas

Mas calma! Não precisas exatamente de ter memória fotográfica para contar cartas no blackjack. Existem outros métodos que te iremos explicar com detalhe, que consistem em dividir as cartas por tipo e atribuir-lhes um valor comum.

Antes disso, vamos perceber, matematicamente, o que se ganha por contar cartas.

Não existe uma fórmula 100% correta para calcular a vantagem que se ganha à casa ao contar cartas. Até porque, como sabes, existem múltiplas variações de regras no blackjack que afetam os cálculos. Mesmo entre mesas do mesmo tipo de blackjack europeu ou americano.

Mas sabe-se que um jogador que o saiba fazer corretamente pode recuperar uma vantagem à casa entre 2% e 4%. Ora, tendo em conta que, normalmente, a vantagem da casa no blackjack é inferior a 1%… É fácil fazer as contas!

Mas antes de decidires investir o teu tempo e dinheiro numa carreira de contador de cartas profissional, deves lembrar-te que este truque funciona muito bem é em jogos de baralho único, que são raros. Quanto mais baralhos forem usados no jogo, menos assertiva será a contagem! É por isso que, na maioria dos casinos, são usados entre seis e oito baralhos.

Contar cartas no blackjack: Um baralho ou oito baralhos

Como funciona a contagem de cartas

Ao contrário de outros jogos de mesa, como o poker, onde as cartas são baralhadas no final de cada mão, isso não acontece no blackjack. Neste jogo, o 21, os jogadores conseguem jogar várias mãos antes que as cartas sejam baralhadas novamente.

Desta forma, à medida que as cartas vão sendo dadas, vai-se conseguindo fazer um cálculo cada vez mais acertado de que cartas ainda restam no baralho.

O efeito dos ases nas probabilidades

Como sabes, se retirares todos os ases do baralho, é impossível fazeres blackjack. E é aqui que começa a tua vantagem. Quanto menos probabilidades de blackjack houver, maior é a vantagem da casa. Por isso, é o momento de apostares menos ou de ires até ao bar buscar um refrigerante…

O efeito das cartas 10 nas probabilidades

Além disso, um baralho com poucas cartas de valor igual a 10 também aumenta significativamente a vantagem da casa, pois torna-se mais difícil fazer blackjack ou mãos de valor igual a 20. E desta forma, torna-se também mais difícil que o dealer rebente.

O efeito das cartas baixas nas probabilidades

No polo oposto, um baralho com poucas cartas de valor igual ou inferior a seis diminui consideravelmente a vantagem da casa. Isto acontece porque vais ter menos mãos iniciais fracas, por um lado, e por outro lado o dealer vai rebentar muito mais vezes!

Como se sabe que tipo de cartas restam no baralho?

Ora bem… Nos sistemas de contagem de cartas mais comuns, a cada carta é atribuído um valor positivo, negativo ou neutro. Na maior parte dos casos, os ases e as cartas de valor 10 (figuras e o próprio 10) têm um valor negativo. As cartas do 2 ao 6 têm um valor positivo e as restantes (7, 8 e 9) têm valor neutro.

Contar cartar: positivos, negativos e neutros

Depois, à medida que as cartas vão saindo, é uma questão de ir fazendo contas de cabeça. Uma contagem positiva indica que mais cartas baixas foram retiradas do baralho, pelo que restam poucas. O que significa que o baralho está cheio de cartas altas, vantajoso para o jogador.

Mas uma contagem negativa indica que foram dadas maioritariamente cartas altas. O baralho está, portanto, carregado de cartas baixas, o que é mais favorável para a casa.

O efeito da saída das cartas

Já sabes que no blackjack, algumas cartas são mais valiosas do que outras. E isto acontece devido ao pagamento do prémio por blackjack ser mais ‘bombado’ do que por uma mão normal. Então, os ases e as cartas de valor igual a 10 são as mais valiosas, porque são as únicas que te permitem fazer blackjack.

Queres um exemplo? Imagina que estás numa mesa de blackjack cheia e todos os jogadores recebem cartas altas. Ases e/ou figuras e 10. Ora, isto é uma contagem muito negativa! A tua sorte acabou de mudar, pois as tuas probabilidades de receber cartas baixas aumentaram significativamente!

Ou seja, para os jogadores, quantos mais ases e 10 saírem do baralho, pior. E se estiveres a jogar numa mesa de blackjack que utilize 6 a 8 baralhos, o efeito de uma única carta é menor, mas a ponderação continua a ser a mesma.

Contagem positiva: qual a vantagem?

Ainda não percebeste porque é que um baralho carregado de ases, figuras e 10 (contagem muito positiva) é vantajoso para os jogadores? Sim, apesar de já teres percebido que, nessas condições, tens maiores probabilidades de fazer blackjack… Então vamos ver as coisas por outro prisma!

Como já deves saber, nesta altura do ‘campeonato’, a grande vantagem do blackjack para os jogadores reside no prémio de 3 para 2 que é pago quando fazes blackjack (e o dealer também).

Ah, e tal! Então, mas a probabilidade de o dealer fazer blackjack não é exatamente igual à minha?

Certo! Mas o ‘prémio’ do dealer é de apenas 1 para 1!

Vamos fazer contas… Imagina que estás a apostar regularmente €10 por mão, e num mesmo conjunto de mãos fazes 10 blackjack, tantos quanto o dealer.

Se fizeres 10x blackjack com prémio de 3 para 2:

  • São 10 x €15 = €150

Mas com 10 mãos blackjacks com prémio de 1 para 1:

  • Então 10 x €10 = €100

Esta é que é a grande diferença!

Está na hora de fazer seguro

Além disso, uma contagem muito positiva também nos diz que a probabilidade de o dealer fazer blackjack se tiver um Ás como carta visível é muito maior. Por isso, ao contrário da ‘regra geral’, se calhar está na hora de comprares o seguro!

O seguro é uma aposta paralela de 1 para 1, de metade do valor da aposta inicial, que te é oferecida no caso de o dealer ter um Ás visível. Se comprares o seguro e o dealer tiver blackjack, perdes a tua aposta inicial, mas ganhas a do seguro.

Normalmente, os jogadores são desaconselhados a fazer o seguro, pois é uma aposta onde a casa tem uma vantagem de cerca de 7%. Mas com uma contagem de cartas muito alta, fazer seguro quando o dealer tem um Ás pode transformar essa vantagem da casa numa ligeira vantagem para o jogador!

Pedir seguro no Blackjack

Contagem alta: joga mais agressivo!

Mas há mais detalhes de uma contagem alta que te permitem jogar as tuas mãos de uma forma muito mais agressiva. Por exemplo, se tiveres uma contagem muito alta receberes uma mão medíocre, podes decidir “ficar” mais vezes para evitar rebentar (especialmente se a carta do dealer também for fraca).

Outro caso é quando recebes um par de cartas de valor 10. Os ‘livros’ dizem que nunca deves fazer split a este tipo de mão. Mas com uma contagem de baralho muito alta… porque não?

Então se a carta do dealer for medíocre, podes transformar uma mão muito forte em duas mãos fortes frente a uma mão do dealer com elevadíssimas probabilidades de rebentar!

Resumindo…

Contagem muito positiva

  • Mais cartas altas por sair no baralho
  • Mais blalckjacks
  • O dealer rebenta mais frequentemente
  • Seguro mais vantajoso

Contagem muito negativa

  • Mais cartas baixas por sair no baralho
  • Menos blackjacks
  • O dealer rebenta menos vezes
  • Seguro menos rentável

Contagem negativa: qual a desvantagem?

Em sentido completamente oposto à contagem positiva, uma contagem muito negativa é má para os jogadores, em comparação com o dealer. Na prática, indica-te que deves reduzir drasticamente o valor das tuas apostas, ou mesmo abandonar a mesa.

Mas porque é que uma contagem negativa é desvantajosa para os jogadores?

Pensa nisto: de acordo com as tabelas de estratégia básica de blackjack, na maior parte das situações em que tens uma mão entre 12 e 16, a decisão correta é ficar.

Pelo contrário, o dealer tem sempre de pedir com uma mão entre 12 e 16. Ora, com o baralho carregado de cartas baixas, a probabilidade de o dealer conseguir uma mão entre 17 e 21 é enorme!

Isto não só aumenta drasticamente as probabilidades de o dealer completar uma mão melhor do que a tua, como reduz muito consideravelmente as probabilidades de o dealer rebentar. É uma situação ‘lose lose’, completamente!

Como aproveitar ao máximo a contagem de cartas

Agora que já percebeste a lógica da contagem de cartas, tens até umas luzes (fracas) de como se faz a contagem no blackjack, compreendes as vantagens de o fazer e sabes porque uma contagem muito alta é boa e uma contagem muito negativa é má para ti, aqui ficam algumas dicas para aproveitares ao máximo este conhecimento todo!

  • Procura as mesas de blackjack com as regras mais favoráveis para os jogadores
  • Aprende a estratégica básica de trás para a frente e da frente para trás
  • Treina a contagem para conseguires ter sempre uma contagem correta do baralho
  • Adapta a estratégia básica de acordo com a contagem de baralho que tens em cada momento

É por estes e por outros motivos que a contagem de cartas é uma arte tão complexa e muito poucas pessoas no mundo a dominam com mestria. Mas se chegaste até este ponto é porque estás mesmo muito interessado, por isso, vamos lá aprender como se faz!

Como contar cartas corretamente no blackjack

Mais uma vez – e nunca é demais lembrar: Se não dominas a estratégia básica na perfeição, é irrelevante quereres aprender a fazer contagem de cartas. Não queiras dar um passo maior do que a perna, pois isso dá sempre mau resultado.

Mas vamos assumir que já dominas a estratégia básica na perfeição e seguimos em frente. Digamos que a contagem de cartas no blackjack assenta em quatro degraus essenciais, todos eles importantíssimos para conseguires tirar partido desta arte.

O primeiro, já abordámos, é atribuir um valor a cada carta:

Contar cartas no blackjack: +1 Neutro -1

Depois de atribuir corretamente um valor positivo, neutro ou negativo a cada carta, temos os restantes três pilares:

  • Fazer uma ‘contagem corrente’
  • Calcular a contagem verdadeira
  • Adaptar o tamanho das apostas

Vamos agora aprofundar cada um deles!

Fazer uma ‘contagem corrente’

Primeiro aspeto a ter em consideração: a contagem das cartas começa sempre a partir de zero, imediatamente após as cartas serem baralhadas. E volta a zeros sempre e cada vez que as cartas voltam a ser baralhadas.

Depois, à medida que vão saindo cartas, vamos somando +1 (altas), 0 (neutras) ou -1 (baixas). É o que se chama fazer uma ‘contagem corrente’.

Vamos ver um exemplo de uma mesa completa de blackjack americano com todos os sete lugares ocupados.

Estas são as cartas que são dadas:

  • 7, 8, A, K, 5, 10, 4, J, 7, 8, V, 2, 5, A, 4

Esta é a valorização de cada carta, de acordo com o sistema de contagem:

  • 0, 0, -1, -1, +1, -1, +1, -1, 0, 0, -1, +1, +1, -1, +1

A tua contagem corrente seria:

  • 0, 0, -1, -2, -1, -2, -1, -2, -2, -2, -3, -2, -1, -2, -1

A contagem final é -1!

Ginástica mental para contagem de cartas

A capacidade de manter uma ‘contagem corrente’ das cartas no blackjack é, provavelmente, o ‘pilar’ mais importante e, ao mesmo tempo, o mais difícil. É preciso uma grande ginástica mental, até porque, se já viste os dealers a distribuir cartas, sabes que o fazem quase à ‘velocidade da luz’.

Tens de ser muito rápido a ver a carta, fazer as contas e não te perderes de todos os outros detalhes do jogo. Um pequeno deslize, uma pequena hesitação, pode ser ‘a morte do artista’!

Mas se estiveres mesmo determinado a aprender a fazer contagem de cartas e tiveres essa ginástica mental, acabarás por conseguir fazê-lo ‘com uma perna às costas’. Num instante começas a arranjar ‘muletas’ para te apoiares, como:

  • Contar automaticamente uma mão J-10 como +2 (em vez de +1 +1…)
  • Uma mão 6-3 como -2 (em vez de -1 -1…)
  • Ou uma mão A-4 como 0 (em vez de +1 -1…)
  • Etc, etc, etc…

Calcula a contagem verdadeira

Sim senhor, sim senhora! Com que então, já estás um verdadeiro ‘pro’ na contagem de cartas no blackjack. Positivos, negativos. Neutros ou assim-assim. Mais com menos é menos, menos com menos é mais. Mais muleta, menos muleta, ainda o dealer não pousou a carta na mesa e tu já tens a contagem final na ponta da língua!

Então vamos lá complicar um pouco mais as contas! Ou pensavas que era só isto?

Não era. E está na hora de juntares a noção de contagem verdadeira de cartas aos teus conhecimentos!

Num jogo de baralho único, a contagem corrente é tudo o que precisas para determinar se a contagem é muito positiva ou muito negativa e adaptares as tuas apostas.

Mas se estiveres a jogar numa mesa que utiliza múltiplos baralhos – que são praticamente todas! – quase todos os sistemas de contagem de cartas requerem que dividas a contagem corrente pelo número de baralhos que restam no sapato.

O valor obtido na divisão da contagem corrente pelo número de baralhos que restam no sapato dá-te a contagem verdadeira!

Exemplo de contagem verdadeira

Vamos ver um exemplo de uma situação numa mesa que utiliza oito baralhos, que é o que acontece em praticamente todos os casinos do mundo.

Para além da contagem corrente, que já dominas, tens de ter a noção de quantas cartas já foram distribuídas desde a última vez que foram baralhadas. Para saberes quantos baralhos restam no sapato.

Vamos assumir que a contagem é muito negativa, -4, por exemplo, mas já saíram 208 cartas. Ou seja, saíram 4 baralhos, faltam sair outros quatro baralhos. Então:

  • Contagem verdadeira = -4 / 4
  • Contagem verdadeira = -1

Efeito prático da contagem de cartas verdadeira

Como podes ver pelo exemplo prático acima, o efeito prático da contagem de cartas verdadeira é equilibrar a contagem em função do número de baralhos que faltam sair. Porque o número de baralhos que faltam sair esbate a fiabilidade da contagem corrente.

Senão, repara: Vamos pegar no mesmo exemplo acima, onde a contagem corrente é -4, mas vamos imaginar que só saíram 2 baralhos.

  • Contagem verdadeira = -4 / 2
  • Contagem verdadeira = -2

Como vês, o facto de ainda só terem saído dois baralhos faz com que a contagem verdadeira seja mais negativa do que se já tivessem saído quatro. Mas não tão negativa como a contagem corrente. Por isso, lembra-te:

  • Quantos mais baralhos faltarem sair, mais longe a contagem verdadeira está da contagem corrente
  • Quantos menos baralhos faltaram sair, mas próxima a contagem verdadeira está da contagem corrente

Mas não stresses, caro bacana! A não ser um cérebro de Einstein, é claro que ninguém consegue manter uma contagem corrente certa, à velocidade que as cartas saem, e ao mesmo tempo saber exatamente quantas cartas saíram e a quantos baralhos isso corresponde!

Dica: à medida que fores ganhando experiência, e aqui nem é preciso muita, basta um passar de olhos pelo sapato para perceber aproximadamente quantos baralhos faltam sair. Aqui é mais uma questão de destreza visual do que de ginástica mental!

E não te preocupes, desde que não faças uma estimativa muito errada, isso não vai afetar assim tanto os teus cálculos…

Adaptar o tamanho das apostas

Por fim, chegámos ao último ‘pilar’ da contagem de cartas. Agora que já sabes atribuir um valor positivo, negativo ou neutro às cartas, fazer a contagem corrente e calcular a contagem verdadeira, vamos aprender a adaptar o tamanho das apostas.

Saber adaptar o tamanho das apostas à contagem de cartas no blackjack é, provavelmente, o mais importante dos quatro pilares. É que com contagens muito negativas ou muito positivas, a decisão sobre o valor da aposta é fácil. Mas, para sermos sinceros, não irás ter assim tantas situações com contagem muito negativa ou muito positiva. Especialmente contagem verdadeira!

Por isso, nos poucos momentos em que tiveres uma contagem muito positiva, é fundamental apostares o máximo que a tua gestão de banca (e os limites da mesa) te permitam. Só dessa forma conseguirás tirar o máximo partido da contagem de cartas.

Contar cartas no Blackjack: Apostar mais ou menos em função da contagem

Planeia antecipadamente o tamanho das apostas

Mas o que é apostar forte e apostar fraco? Uma aposta forte para uns pode ser fraca para outros e vice-versa… Depende muito da banca e do estilo de jogo de cada jogador de blackjack. Mas independentemente da banca ou estilo, o mais importante é ter um plano de apostas preparado por antecipação.

Por exemplo, quando a contagem sobe no positivo, aumentas a tua aposta. Se a contagem está em zero, apostas apenas uma unidade de aposta. Se a contagem for a negativos, podes diminuir ainda mais a aposta.

Dependendo do tamanho da tua banca e da tua gestão, podes definir a tua unidade de aposta mais acima ou mais abaixo, a partir de uma aposta base. Vamos supor que a tua aposta de base é €10 e a unidade de aposta é €1. Pegando no exemplo acima, temos:

ContagemAposta 
0€10
+1€11
+2€12
+1€11
0€10
-1€9
-2€8

Conceito de dispersão

A esta variação no tamanho de apostas chama-se ‘dispersão’. Alguns sistemas de contagem de cartas no blackjack recomendam que estabeleças uma dispersão máxima, ou seja, um limite superior e inferior até onde a tua aposta pode subir ou descer.

A maioria sugere uma dispersão máxima de 4 unidades. Outros sugerem mais de uma dezena de unidades. O importante é que tenhas fichas e banca suficiente para aguentar uma longa sequência de azar e não permitir que a emotividade tome conta do teu jogo.

Não ter banca suficiente para fazer as apostas corretas em função da contagem de cartas ou a coragem para meter o máximo possível no pano quando a contagem assim o exige, é mais do que meio caminho andado para o insucesso!

Adaptar a Estratégia Básica à contagem de cartas

Continuamos a subir na escala de ‘persistência necessária’ para ser um bom contador de cartas e chegamos a mais uma adaptação necessária. A adaptação da estratégia básica de blackjack à contagem de cartas!

Como sabes, a estratégia básica é essencialmente a melhor decisão que podes tomar, matematicamente, para que a longo prazo tires o melhor partido de cada situação no blackjack. Mas quando introduzes a contagem de cartas, a matemática da estratégia básica também sofre alterações.

Desta forma, algumas jogadas que são completamente erradas, segundo as tabelas de estratégia básica, podem tornar-se as mais adequadas em função da contagem verdadeira.

Ainda há pouco falámos no exemplo de dividir um par de cartas de valor igual a 10. A estratégia básica diz que nunca o deves fazer. Mas se a contagem verdadeira for muito positiva, a verdade é que… talvez até seja um erro não o fazer!

Nesse sentido, é importante que saibas adaptar a estratégia básica e as apostas à contagem de cartas no blackjack. Aqui ficam algumas dicas…

Se a contagem for muito alta:

  • Divide pares com os quais normalmente ficas (10-10, 9-9)
  • Dobra mais agressivamente
  • Fica sempre nas mãos que correm risco de rebentar
  • Faz seguro quando o dealer tem um Ás

Se a contagem for baixa:

  • Dobra menos frequentemente
  • Pede carta em mãos onde normalmente ficarias (o risco de rebentar é menor)

As 18 leis de Schlesinger

Quanto mais as mudanças à estratégia básica se aprofundam, mais complicadas ficam para um jogador comum. A verdade é que muitas delas só mesmo um génio conseguiria calcular e mesmo os contadores de cartas mais batidos acabam por tomar as decisões mais corretas com base na experiência.

É que a quantidade de adaptações é quase infinita, se quiseres levar as contas à quinta casa decimal. Mas tal como o número de baralhos restantes no sapato pode bem ser aproximado na determinação da contagem verdadeira, também poucas destas adaptações têm um impacto verdadeiramente importante no teu resultado.

Por isso, um reconhecido jogador profissional de blackjack, Don Schlesinger, enumerou as 18 adaptações que realmente impactam no eu jogo se fizeres a contagem de cartas corretamente. Estas adaptações ficaram conhecidas com as “Ilustres 18” ou as “18 leis de Schlesinger”.

As 18 leis de Schlesinger

  1. Pede seguro se a contagem for +3 ou superior
  2. Fica com 16 contra 10 se a contagem for 0 ou superior
  3. Fica com 15 contra 10 se a contagem for +4 ou superior
  4. Divide pares 10-10 contra 5 se a contagem for +5 ou superior
  5. Divide pares 10-10 contra 6 se a contagem for 4 ou superior
  6. Dobra 10 contra 10 se a contagem for 4 ou superior
  7. Fica com 12 contra 3 se a contagem for +2 ou superior
  8. Fica com 12 contra 2 se a contagem for +3 ou superior
  9. Dobra com 11 contra Ás se a contagem for +1 ou superior
  10. Também deves dobrar com 9 contra 2 se a contagem for +1 ou superior
  11. Dobra com 10 contra Ás se a contagem for +4 ou superior
  12. Dobra com 9 contra 7 se a contagem for +3 ou superior
  13. Fica com 16 contra 9 se a contagem for +5 ou superior
  14. Pede com 13 contra 2 se a contagem for -1 ou inferior
  15. ‘Hit’ (pede) com 12 contra 4 se a contagem for -1 ou inferior
  16. Também deves pedir com 12 contra 5 se a contagem for -2 ou inferior
  17. Pede com 12 contra 6 se a contagem for -1 ou inferior
  18. Pede com 13 contra 3 se a contagem for -3 ou inferior

Simplificando as leis de Schlesinger

São muitas leis para ‘decorar’? Não te preocupes! A ideia de Schlesinger era simplificar as inúmeras adaptações que a contagem de cartas pode ter na estratégia básica, mas a verdade é que as próprias 18 leis de Schlesinger podem ser simplificadas! Repara:

  • a regra número 1 abrange 30% das vantagens que podes obter de uma adaptação estratégica à contagem de cartas correta
  • as três primeiras regras abrangem 60% das vantagens que podes obter de uma adaptação estratégica à contagem de cartas correta!

E já que Schlesinger enunciou 18 leis, quem somos nós para não as enumerar como acima? Não lhe íamos fazer essa desfeita, mas a verdade é que podemos sintetizá-las numa espécie de tabela.

Contar cartas no blackjack: 18 leis de Schlesinger

Contagem de cartas não é ilegal, mas…

Apesar de alguns rumores em contrário, a verdade é que contar cartas não é ilegal. Mas tem cuidado se o decidires fazer num casino ao vivo!

É que os casinos não te podem colocar fora alegando que estás a contar cartas, mas o direito de admissão na casa é sempre reservado. Portanto, se desconfiarem que estás a contar cartas, podem sempre ‘convidar-te’ a sair!

E não é assim tão difícil detetar que um jogador está a contar cartas. Aliás, algumas das estratégias e adaptações que enumerámos acima são, de facto, ‘geniais’. Mas é precisamente por isso que são como uma sirene sobre a cabeça dos jogadores a alertar para a possibilidade de serem um contador de cartas!

Contagem de cartas no blackjack online

Muitos jogadores questionam-se sobre se é possível contar cartas no blackjack online. Bom, em teoria, também seria possível, mas na prática isso não acontece. Porque na maior parte dos jogos de blackjack online, as cartas são baralhadas no final de cada mão. E isso torna a contagem irrelevante.

Os casinos online utilizam um Gerador de Números Aleatórios (RNG, do inglês Random Number Generator) para determinar a ordem das cartas no baralho. Portanto, no final de cada mão, o RNG ‘baralha’ as cartas de novo, antes que se inicie uma nova jogada, e toda a eventual contagem que pudesses ter feito volta a zero.

O mais próximo que podes estar de conseguir fazer contagem de cartas no blackjack online é nas mesas de blackjack online com dealer ao vivo. Nesse caso, tens todas as comodidades de um jogo de blackjack online, mas as cartas estão a ser baralhadas e distribuídas por um dealer ao vivo. Assim, é possível fazer a contagem.

No entanto, os jogos de blackjack online com dealer ao vivo não estão disponíveis em Portugal.

Perguntas Frequentes Sobre Contagem de Cartas no Blackjack

Ao chegares ao final deste artigo, já deverás ter uma ideia bastante completa do que é a contagem de cartas no blackjack e como se contam cartas nos jogos ao vivo. No entanto, para o caso de procurares apenas esclarecer uma dúvida específica, preparámos-te um conjunto de perguntas frequentes sobre contagem de cartas no blackjack.

O que é a contagem de cartas no blackjack?

A contagem de cartas no blackjack é uma forma de calcular a probabilidade de receberes cartas que beneficiem a tua mão no decorrer de um jogo. A ideia não é calcular o valor de cada carta em si, mas sim perceber quando o baralho tem muitas cartas de valor alto ou de valor baixo.

É ilegal contar cartas no blackjack?

Não! Contar cartas no blackjack não é ilegal, desde que não uses qualquer dispositivo eletrónico ou mecânico que te ajude a fazê-lo. A contagem de cartas é uma capacidade e uma estratégia de jogo. No entanto, se um funcionário da casa detetar ou suspeitar de que estás a fazer contagem de cartas, tem muitas outras formas legais de te ‘convidar a sair’ sem dizer o real motivo.

É difícil contar cartas no blackjack?

Não é que a técnica de contar cartas no blackjack seja difícil, mas requer bastante prática. Para que não te percas na contagem, é necessário que consigas fazer cálculos de cabeça simples à mesma velocidade que o dealer distribui as cartas, mas antes disso, a determinação do valor a somar ou subtrair em função da carta que sai tem de ser algo que já fazes de forma inconsciente.

É que, depois, ainda é preciso estar com um olho no ‘sapato’ para calcular a contagem verdadeira!

Quanto tempo demora a aprender a contar cartas no blackjack

O tempo necessário para aprender a contar cartas no blackjack é absolutamente subjetivo. Depende muito de pessoa para pessoa. Se pretendes aprender a contar cartas, tem a noção de que não o vais conseguir fazer correta e eficazmente de um dia para outro. Depois, a tua agilidade mental e capacidade de fazer cálculos matemáticos de cabeça também ajuda muito.

Os dealers podem contar cartas no blackjack?

Claro que sim. Até os jogadores podem contar cartas, desde que não sejam detetados. No entanto, o dealer não tem qualquer vantagem em contar cartas, pois as mãos do dealer jogam-se sob regras muito rígidas que ele não pode alterar em nenhuma circunstância.

É possível ganhar no blackjack sem contar cartas?

Sim, com certeza! Qualquer jogador pode ganhar no blackjack sem contar cartas, desde que saiba as regras e tenha um pouco de sorte no curto prazo. Além disso, não é preciso contar cartas para utilizar uma estratégia básica de blackjack e jogar de acordo com as tabelas da mesma.

Jogar no Casino Online

Bel

Eu escrevo alguns dos conteúdos que encontras no blog do BacanaPlay, especialmente aqueles onde podes ficar a conhecer melhor as nossas slots e os restantes jogos. O meu objetivo é que desfrutes ao máximo do nosso casino online!
O que me faz feliz
• Estar perto do mar
• Receber amigos em casa
• Cozinhar para as pessoas de quem gosto

Regra 17 Soft
A Grande Arte de Escolher Mesa de Blackajck

Gostas de Apps? Vais adorar estas

O presente site, explorado pela Skill On Net Limited, uma sociedade constituída de acordo com a legislação de Malta e registada sob o número C50024 , com sede em Office 1/5297, Level G – Quantum House, Abate Rigord Street Ta´Xbiex – XBX 1120 MALTA – encontra-se sob a regulação e supervisão do Serviço de Regulação de Jogos, junto do Turismo de Portugal IP e opera ao abrigo da licença nº 25 emitida em 23.10.2020 e que poderá ser consultada aqui

Interdito a menores de 18 anos. Jogue de forma responsável.